Sem categoria

Com que frequência a limpeza dentária deve ser realizada?

Além da escovação após as refeições, os cuidados com os dentes devem envolver visitas regulares ao dentista e a realização de limpezas profissionais. Apesar dessa recomendação, muita gente tem dúvida em relação à periodicidade dessas visitas e os reais benefícios que a limpeza traz ao sorriso.

Para esclarecer essas dúvidas, vamos explicar tudo sobre a limpeza dentária, seus benefícios e quando é importante realizá-la aqui neste post. Confira:

O que é a limpeza dentária?

A limpeza dentária, ou profilaxia dentária, é um procedimento de limpeza realizado em consultório odontológico que previne doenças periodontais e deixa a saúde bucal em dia.

Como a limpeza dentária é diferente da escovação em casa?

A limpeza realizada pelo dentista é mais completa e utiliza produtos diferentes dos disponíveis para uso caseiro.

Geralmente, o dentista limpa dente por dente, realizando raspagem do tártaro com curetas e tiras de aço. Ele também costuma polir os dentes com jatos de bicarbonato ou pastas profiláticas, removendo o restante da placa bacteriana e aplica flúor em gel.

A limpeza dói?

Durante o procedimento há uma sensação de incômodo que não chega a ser descrita como dor. Se os dentes já forem sensíveis, no entanto, esse incômodo pode ser maior.

Por que a limpeza dentária é tão importante?

A limpeza é importante por dois componentes distintos: a prevenção e o diagnóstico de patologias dentárias.

Em relação à prevenção, a remoção do tártaro, o polimento e a aplicação do flúor reduzem a incidência de cáries, gengivite, periodontite, mau hálito e a formação de placas bacterianas.

Já para o diagnóstico, o exame de cada dente individualmente permite a identificação de falhas dentárias, cáries e alterações nas restaurações, nas gengivas e na boca como um todo.

Tudo isso deixa os dentes mais bonitos e previne a chance de um dente ser perdido por alguma alteração mais avançada.

Com que frequência a limpeza dentária deve ser realizada?

A recomendação oficial é que ela seja realizada, em média, a cada seis meses. Esse intervalo permite o diagnóstico precoce de qualquer alteração e impede o acúmulo excessivo de tártaro em pessoas com uma boa saúde bucal.

No entanto, se a pessoa está realizando outros tratamentos odontológicos, usa aparelho ou tem propensão ao acúmulo de placa bacteriana e tártaro, o mais recomendado é que as limpezas sejam realizadas em um intervalo menor, a cada três meses.

Da mesma forma, se a pessoa não tem propensão alguma ao acúmulo de tártaro e realiza a higiene bucal caseira da forma correta após cada refeição, as limpezas profissionais poderão ser realizadas com um intervalo maior, uma vez a cada ano, por exemplo.

Como descubro a periodicidade ideal da limpeza para os meus dentes?

Essa recomendação só pode ser feita por um cirurgião-dentista após a avaliação da saúde dentária e dos hábitos de higiene bucal, já que só esse profissional é qualificado para realizar a limpeza dentária.

É comum ainda que, ao iniciar o acompanhamento com o dentista, as limpezas sejam realizadas com uma frequência maior e, à medida que as alterações são resolvidas e o paciente vai seguindo as recomendações de higiene caseira, esses procedimentos se tornem mais espaçados.

AGENDE UMA CONSULTA COM UM DE NOSSOS ESPECIALISTAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *